quinta-feira, 6 de setembro de 2012


O que nos prende Maria, é o mesmo que nos enforca.
A vida é o embaraço de cordas
cordas que pulamos, cordas que nos enrolados, 
cordas que amarramos, cordas que fazemos varal 
e estendemos coisas molhadas para secar.
Você seca seus olhos no varal, Maria?
Não? Deveria. 
O sol seca tudo, torra tudo, queima tudo.


 Do Blog: http://viveirodeversos.blogspot.com.br/

3 comentários:

  1. Obrigada;) sempre estarei por aqui bjus

    ResponderExcluir
  2. Quando leio seus textos, sou capaz de sentir um misto de sentimentos, as vezes ódio e as vezes amor. Nos meus sonhos sou capaz de lhe entregar para um bruxo sanguinário, para um ritual de sacrifício,eles preferem moças de coração nobre, mas depois me arrependo e volto para lhe salvar com minha espada em punho, por vc eu enfrento o mundo em meus sonhos.

    O Cemério

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Nossa...quem ficou com um misto de sentimentos agora foi eu! Não sei se medo ("he entregar para um bruxo sanguinário, para um ritual de sacrifício") ou contentamento ("por vc eu enfrento o mundo em meus sonhos"). Mas, enfim, tudo muito vago: sonhos, anônimo...

      Excluir